sexta-feira , 24 maio 2024
Home / Destaque / Elmano de Freitas recebe embaixador de Portugal e amplia possibilidade de parcerias na área de energias renováveis
GOVERNADOR ELMANO DE FREITAS RECEBE A VISITA DO EMBAIXADOR DE PORTUGAL LUIS FARO RAMOS NO PALACIO DA ABOLICAO FOTOS: JOSE WAGNER/ GOV. DO CEARA TAGS: GOVERNADOR, ELMANO DE FREITAS, EMBAIXADOR DE PORTUGAL, LUIS FARO RAMOS

Elmano de Freitas recebe embaixador de Portugal e amplia possibilidade de parcerias na área de energias renováveis

O governador do Ceará, Elmano de Freitas, recebeu, na manhã desta quinta-feira, 19, no Palácio da Abolição, o embaixador de Portugal no Brasil, Luís Faro Ramos. Além de visita de cortesia, o diplomata português tratou com o governador sobre parcerias entre Portugal e Ceará, principalmente em áreas estratégicas como o desenvolvimento de energias renováveis, por meio do Hub do Hidrogênio Verde, além de outras frentes de cooperação.

O embaixador estava acompanhado de executivos da EDP Brasil, o CEO, João Marques da Cruz, e o diretor de comunicação, marketing e stakeholders, Nuno Rebelo; do presidente da Federação das Câmaras Portuguesas de Comércio no Brasil (FCPCB), Armando Abreu. Do Governo do Ceará participaram o secretário-chefe da Casa Civil, Max Quintino, e a secretária de Relações Internacionais, Roseane Medeiros.

O governador Elmano de Freitas destacou a longa, forte e próspera parceria entre Ceará e Portugal durante o encontro, além dos investimentos que o Governo do Ceará vem realizando na área de energias renováveis, por meio do desenvolvimento de projetos ligados ao hidrogênio verde (H2V), e também o marco da produção da primeira molécula de H2V no estado, pela empresa portuguesa EDP em sua planta no Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP). “A produção de hidrogênio verde no Ceará é um tema de absoluta prioridade. Temos uma oportunidade histórica no estado de promover um desenvolvimento sustentável e avançarmos de forma significativa no projeto de descarbonização de vários setores”, disse o governador.

O embaixador Luís Faro Ramos ressaltou que o Ceará sempre foi inovador na produção de energias renováveis e agora avança ainda mais. “É uma grande satisfação para nós, portugueses, fazer parte deste projeto ousado e pioneiro de produção de Hidrogênio Verde e também termos uma empresa nacional, como a EDP, participando e desenvolvendo essa tecnologia no Ceará”, destacou o embaixador.

Para o presidente da Federação das Câmaras Portuguesas de Comércio no Brasil, Armando Abreu, o projeto de produção de hidrogênio verde no Ceará é extremamente ambicioso. “Já avançamos bastante em conjunto. Inicialmente era um projeto-piloto, mas devido a sua viabilidade comercial e a posição privilegiada do Ceará, a planta cresceu e agora enxergamos novos horizontes”, disse.

Relações comerciais entre Ceará e Portugal

No ano de 2022, o valor das exportações cearenses para Portugal chegou a US$ 17,4 milhões, obtendo expressivo crescimento de 169% em comparação a 2021. Entre os principais setores exportadores destacam-se o de combustíveis, como o querosene de aviação, que representa 77,1% da pauta exportadora cearense para Portugal; calçados, com US$ 13,4 milhões em produtos vendidos, um aumento de 322% em relação a 2021; além de frutas, como melancias melões e mamões produzidos em Icapuí e castanha de caju de Aquiraz.

Já nas importações, o Ceará comprou US$ 7,9 milhões em produtos de Portugal, o que corresponde a um crescimento de 67% se comparado ao mesmo período do ano anterior. Os principais produtos importados pelo Ceará de Portugal são máquinas e materiais elétricos e suas partes; partes de motores, geradores e grupos eletrogeradores; e gorduras e óleos animais ou vegetais, como o azeite de oliva virgem e extravirgem.

Fonte:Repórter Ceará

Sobre Sertão Midia

Veja Também

Faustão recebe alta após 47 dias internado, mas seguirá sob orientações médicas

Após 47 dias de internação, Faustão, como é conhecido Fausto Silva, recebeu alta hospitalar nesta sexta-feira (12). O ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.