segunda-feira , 22 abril 2024
Home / Destaque / Ministério da Saúde pede liberação de vacina contra a monkeypox à Anvisa

Ministério da Saúde pede liberação de vacina contra a monkeypox à Anvisa

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) analisará um pedido do Ministério da Saúde solicitando a aplicação da vacina para a prevenção da monkeypox, com a dispensa de registro do produto. A demanda foi enviada nesta terça-feira, 23, pela Pasta, que planeja usar a vacina vírus Ankara Modificado, vacina Jynneos, do fabricante Bavarian Nordic, no combate à doença.

De acordo com a Anvisa, na avaliação serão consideradas as diretrizes regulatórias estabelecidas na Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) nº 747, de 19 de agosto de 2022, e o fato do imunizante ter sido avaliado por autoridades reguladoras estrangeiras equivalentes à Anvisa, (AREE).
Nessa análise, conforme a Anvisa, a intenção é confirmar se as características essenciais da vacina são as mesmas aprovadas pela AREE, tais como: fabricante, concentração, forma farmacêutica, indicações, contraindicações, posologia, população alvo, via de administração e modo de uso, entre outras informações

O processo de avaliação passará pela Comissão Técnica da Emergência Monkeypox, criada pela Anvisa, por meio da Portaria Conjunta nº 1 de 28 de julho de 2022 e a decisão final será deliberada pela Diretoria Colegiada da Agência.

Fonte:opovo.

Sobre Sertão Midia

Veja Também

Faustão recebe alta após 47 dias internado, mas seguirá sob orientações médicas

Após 47 dias de internação, Faustão, como é conhecido Fausto Silva, recebeu alta hospitalar nesta sexta-feira (12). O ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.